gosolos

Soluções

Nossas Soluções

Microbiologia de Precisão

Descubra novas possibilidades de análise biológica do solo e tenha mais suporte na tomada de decisões de manejo com a GoSolos.

Por meio de análise de amostras individuais, ou da assinatura mensal da plataforma, é possível obter uma série de informações precisas sobre os microrganismos presentes no solo.

Nossa plataforma interativa está constantemente atualizada e permite a comparações entre amostras.
Nosso foco é em três grandes áreas:

Análise do risco de doenças de solo por DNA:

Também identificamos controladores biológicos, promotores de crescimento, fixadoras de nutrientes, além de diversos outros micro-organismos.

Saúde do solo:

análise do potencial e das fraquezas do solo como auxílio na tomada de decisões para a condução da lavoura e dos processos de plantio. O solo possui uma alta diversidade de microrganismos bons como fator de supressividade, por isso, é necessário identificá-los.

Sustentabilidade:

em médio e longo prazo, o solo pode sofrer alterações e tornar-se mais ou menos sustentável. Por meio das informações genéticas, fica mais fácil identificar essas mudanças e buscar as causas e projetar possíveis cenários.

Como funciona a coleta?

1 - Coleta

A coleta geralmente é realizada no pré-plantio, é recomendado fazer as coletas após a colheita da cultura instalada na área e o mais distante possível da semeadura da cultura seguinte. Também, devem ser evitados dias após a chuva ou as fertilizações.

2 - Kit de coleta de amostra

A GoSolos fornece, caixa, tubos de amostragem e uma espátula que facilita a coleta do solo. A quantidade de solo necessária é de aproximadamente metade do
tubo/pacote .

3- Local

Para escolher o local da coleta, considere o talhão desejado e busque uma amostra homogênea, evitando áreas menos representativas (baixadas, bordaduras, manchas de solo, etc.). Se o objetivo da análise é elucidar pontos de baixa produtividade ou manchas, delimitar essas áreas e retirar especificamente um pedaço delas.

4 - Amostragem

A amostragem é realizada de forma composta, o que significa que cada tubo deve conter subamostras em número de 5 a 12 pontos do mesmo local. Essa prática torna a análise verdadeiramente representativa.

É importante, ainda, que cada área de amostragem tenha características uniformes do solo (pH, textura) e práticas de manejo consistentes (aplicações de fertilizantes, irrigação, entre outras.) Por isso, durante o processo também é essencial o compartilhamento do histórico da área e dados de análise física, química ou biológica para que seja traçado um estudo de indicadores relevantes.

A potência da vida no solo é invisível, mas mensurável.

Com uma pequena amostra e muita biotecnologia, já é possível realizar análises de DNA do cenário biológico de uma determinada área de plantio, garantindo informações úteis para a lavoura, manejo e a sobrevivência ou não dos microrganismos do solo.

Preencha o cadastro e baixe um e-book especial da GoSolos.

Perguntas Frequentes

Onde são feitas as análises do solo?

As análises são feitas em Curitiba, PR, em nosso laboratório próprio.

Quanto tempo para obter os resultados?

Assim que as amostras chegam ao laboratório, levamos de 20 a 25 dias úteis para entregar o laudo.

Como as amostras devem ser coletadas?

Nós enviamos um kit para você, com uma espátula e um tubo. As amostragens devem ser realizadas da mesma maneira de uma coleta para análise química ou física, andando em ‘zigue-zague’ no talhão ou em linha reta. A quantidade de solo necessária é de aproximadamente metade do tubo, e cada tubo deve conter subamostras de cinco a 12 locais no mesmo bloco para tornar a amostra verdadeiramente representativa para o estudo. Veja aqui nosso manual de coleta

Quando eu devo fazer as coletas?

A época da coleta é variável, vai depender da cultura e do objetivo

da sua análise. Evite fazer as coletas em dias logo após chuvas ou fertilizações.

De quais regiões é feito o sequenciamento?

O sequenciamento é feito das regiões V3 e V4, do 16S de bactérias, e ITS1 e ITS4 para fungos.

Qual o procedimento para o envio das amostras?

Após a realização das coletas da maneira ideal, deve-se preencher o Formulário de Identificação do Solicitante dentro da plataforma (LINK LOGIN) e finalizar o pedido. O envio das amostras deve ser feito em até três dias.

Qual a forma de apresentação dos resultados?

Os resultados são apresentados em um relatório completo disponibilizado em nossa plataforma. Junto com o relatório, também é realizada uma entrega técnica com uma equipe de agrônomos da GoSolos para o solicitante.

Qual a diferença de uma BioAS para uma análise Metagenômica?

A Metagenômica é o estudo da diversidade, taxonomia e do potencial funcional de uma comunidade microbiana coexistindo em um ambiente. Já a análise de BioAS consiste no estudo de atividade das enzimas associadas aos ciclos do enxofre e do carbono. Por estarem relacionadas, direta ou indiretamente, ao potencial produtivo e à sustentabilidade do uso do solo, essas enzimas funcionam como bioindicadores e ajudam a avaliar a saúde dos solos.

É possível identificar nematóides na análise Metagenômica?

Essa análise não identifica espécies, e não serve como análise nematológica. 

É a hora de monitorar a minha lavoura!

Para obter mais informações sobre a GoSolos e sobre as soluções da ferramenta, entre em contato.

Entre em contato!

gosolos

Obrigado pelo download

gosolos

Obrigado pelo contato!

Em instantes nosso time retornará.